quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

#3

Bipolar

Antes de começar a divagar sobre tudo e todos, quero que me conheçam um pouquinho, às vezes penso ser bipolar, num momento estou muito bem no outro estou muito mal nem quero ver ninguém à frente e acabo por descarregar nos mais próximos, ultimamente tenho conseguido guardar todas as minhas magoas para mim, não consigo confiar em ninguém, sinto-me quase totalmente sozinha neste Mundo, consigo ser ou parecer ser fria, nem tudo é mau, às vezes liga-se o botão da tolice e lá vai disparate atrás de disparate, consigo ser extrovertida, divertida, sincera, sou super distraída e esquecida, há pouco tempo ia entrando numa depressão por perder disciplinas pela segunda vez. Neste momento ando cheia de complexos que não os devia ter, estou a precisar de apoio, não por não haver pessoas a quererem ajudar, mas por eu ter medo de voltar a confiar e magoar-me outra vez, já fui tanto pisada que acabei por me fechar no meu Mundo. Apesar de tudo considero-me uma pessoa forte, apesar de ir várias vezes abaixo, ergo sempre a cabeça e para a frente é que é caminho, não gosto de mostrar os meus sentimentos perante ninguém e por fim, sim, sou uma pessoa difícil de lidar.

Bom Dia, tenham uma óptima Quarta-Feira!!

6 comentários:

Diana disse...

Todos nós temos momentos menos bons mas a sabedoria e o bem-estar consistem em conseguirmos superar tudo!

one princess disse...

eu sei, e sinto-me preparada para isso, mas dói sempre deixar para trás o sitio que me viu crescer.

Emma disse...

Sabes, o blog é uma óptima forma de teres apoio. Desabafas para aqui e pode ser que ajude, além de que há sempre alguém para te ajudar, te dar conselhos (:

Daniela F. disse...

Sou um bocadinho como tu

Anónimo disse...

A vida é um caminho difícil e cheio de encruzilhadas. Por vezes, ao chegarmos a uma encruzilhada ficamos meio perdidos, sem saber qual o caminho escolher. Ficamos baralhados e receosos de uma má escolha.
Lembra-te só que a vida continua e seja qual for o caminho que escolhas, estás sempre a tempo de voltar atrás e procurar novo rumo. :-)

Liliana disse...

É assim que me sinto. Além de perdida.